Por que Tijolo Ecológico? Veja os 6 motivos que o tornam sustentável

Ele é considerado ecológico pelo fato do seu processo de fabricação ser menos agressivo ao meio ambiente em relação aos tijolos convencionais. A principal diferença é que os tijolos ecológicos não precisam ser queimados (não precisa de forno) para ganharem resistência e durabilidade. Veja abaixo os 6 motivos que o torna sustentável:

1 – Desmatamento (não é preciso cortar árvores para obter lenha para a queima);

2 – Evita-se emissão de gás carbônico/poluição do ar, bem como gasto energético grande com a queima;

3 – O tijolo de solo cimento pode ser feito a partir de qualquer tipo de solo;

4– Tijolos tradicionais usam argila em sua composição, o que põe em risco mananciais;

5 – A argila tem vida útil da reserva limitada. Se extraída sem estudo prévio, torna o lençol freático mais vulnerável afetando todo o ecossistema envolvido;

6 – Na fabricação do tijolo de solo cimento é possível utilizar materiais que normalmente são descartados, como: material reciclado de construção e demolição, resíduos de indústrias siderúrgicas e petroquímicas, sobras do processo agroindustrial, como cinzas do bagaço da cana e da casca de arroz, etc.

O fato de não necessitar de queima, forno e nem complicados e dispendiosos processos possibilita que qualquer pessoa fabrique o tijolo ecológico. Fabricar e vender tijolo ecológico é uma ideia de negócio rentável e de baixo investimento.

Deixe uma resposta